terça-feira, 23 de março de 2010

Do título,

" ... Nas grandes cidades de um país tão irreal, os muros e as grades nos protegem de nosso próprio mal. Levamos uma vida que não nos leva a nada. Levamos muito tempo pra descobrir que não é por aí... não é por nada não...Não, não pode ser... é claro que não é, será? Meninos de rua,delírios de ruínas, violência nua e crua, verdade clandestina. Delírios de ruína, delitos e delícias...Viver assim é um absurdo como outro qualquer... Como tentar o suicídio ou amar uma mulher... "
 
Muros e Grades - Humberto Gessinger / Augusto Licks

Nenhum comentário: